O que é XML?



O XML (eXtensible Markup Language) é uma linguagem designada para descrever e estruturar dados. Para isso, ela utiliza etiquetas de um modo semelhante ao HTML, porém, elas não são pré-definidas, ou seja, o XML permite que você crie as suas próprias etiquetas, como no exemplo abaixo:

xml

As regras de sintaxe do XML são bastante simples e fáceis de aprender e utilizar.

Veja o exemplo de um documento em XML.

xml2

A primeira linha do documento refere-se à declaração do XML, e define a versão do XML e o tipo de codificação de caracteres que será usada no documento.

A segunda linha descreve o elemento raiz e as três linhas seguintes descrevem elementos relacionados a raiz, nas quais podem se referir como elementos filhos.

A última linha define o fim do elemento raiz.

Para criação desse documento,  foram seguidas determinadas regras que valem para qualquer documento XML.

No HTML, algumas tags não precisam de fechamento. Já no XML, o uso de tags de fechamento é obrigatório. Caso contrário, o código fica mal formado e o documento não é considerado válido.

Você deve ter notado que a declaração do XML não possui uma tag de fechamento. Isso é perfeitamente válido, já que ela não faz parte do documento em si, e nem é um elemento.

Quando é criado um par de etiquetas, deve-se utilizar a mesma formatação de maiúsculas e minúsculas, tanto na tag de abertura como de fechamento.

Isso é muito importante, pois de um modo diferente que acontece no HTML, o XML diferencia a caixa dos caracteres.

Assim, a formatação a seguir está incorreta:

 xml3

A maneira correta consiste em colocar o Mensagem em minúsculo, ficando da seguinte forma:

xml4

Se for trocado a ordem de abertura e fechamento de tags do XML, o documento não será válido.

Por isso, elementos que podem  ser escritos da seguinte maneira no HTML:

xml5

Devem estar obrigatoriamente escritos no documento XML desta maneira:

xml6

Todo documento XML deve conter um par de tags para definição do elemento raiz, sendo que todos os outros elementos devem estar dentro desse.

Todos os elementos podem ter sub-elementos, mas sem que a ordem de abertura e fechamento seja trocada em momento nenhum.

Vejamos o exemplo abaixo:

xml7

Assim como no HTML, os elementos XML podem ter atributos em pares de chaves e valores. Porém, no XMl, esses atributos devem sempre estar entre aspas, que podem ser simples ou duplas.

Se o texto do atributo contém aspas simples, ele deve estar entre duplas e vice-versa.

Veja o seguinte exemplo abaixo:

xml8

Ao contrário do que acontece no HTML, todos os espaços e quebras de linhas no XML são mantidos. Assim a formatação original do texto não se perde, sendo passada normalmente para o aplicativo que estiver lendo o conteúdo do documento XML.

Comentários

comments

Leia também

orientacao a objetos

O que são classes na Orientação a objetos?

Uma classe é o agrupamento de objetos com características comuns, por exemplo, o indivíduo pertence ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *