O emprego das cores no mundo computacional

A interface com o usuário constitui parte fundamental da infra-estrutura dos programas de computador. É graças a ela que ocorre a comunicação entre o usuário e um sistema.

A cor é uma dos aspectos visuais de uma interface, considerado de extrema importância em qualquer processo de comunicação.  O emprego inadequado de cores pode dificultar a captação de informações básicas, o que implica desperdício e tempo. A cor  tem a capacidade de transformar informação em conhecimento. Assim, transmite facilmente o significado e a essência da mensagem, aumentando, por conseguinte, a compreensão do sistema.

O emprego das cores no mundo computacional 1

Nos sistemas computacionais, o emprego da cor não tem mero valor decorativo. Embora não se deva desprezar o aspecto estético, sua principal meta é a eficácia da comunicação.

Há regras para a utilização eficaz da cor; cores mal selecionadas confundem e embaraçam a vista. O colorido e a beleza não garantem o sucesso da interface, e sim sua eficiência.

Estudos realizados mostraram que escolhas inadequadas podem aumentar, e muito, o tempo de resposta do usuário.

No projeto de interfaces, é importante adotar um padrão de cores para as telas do sistema. Cumpre escolhê-lo com critério, a fim de proporcionar ao usuário do sistema o melhor desempenho e o máximo de conforto, bem como evitar reações desastrosas. Recomenda-se, porém, sempre oferecer ao usuário a possibilidade de mudar a seleção padrão de cores e substituí-la por outra de sua preferência.

ENVIE UMA REPOSTA:

Por favor digite o seu comentário
Por favor digite o seu nome

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.